Carrapato do Boi ( Rhipicephalus microplus )

Conhecido como carrapato do boi, o R. microplus é um ectoparasita monoxeno, ou seja, é um carrapato de um só hospedeiro. Ele pertence a família Ixodidae, conhecida como carrapatos duros por possuírem uma carapaça protetora e bem resistente. Essa carapaça recobre todo o macho, já na fêmea apenas 1/3 é coberto.

Ciclo do R. microplus

Estes estão presentes quase que em todo Brasil sendo predominantes no verão devido as condições propícias para propagação da espécie. Sua infestação pode causar anemia, e as lesões causadas provocam irritação e favorece a formação de miíases ( bicheira ).

Todos os estágios do parasita podem transmitir patógenos. Eles ainda comprometem a produção de carne, leite e até o couro gerando grandes danos econômicos.

Os dois agentes patogênicos transmitidos são a babesia sp. e Anaplasma sp. responsáveis pela tristeza parasitária bovina – TPB.

O R. microplus parasita principalmente bovinos, mas pode parasitar outros animais como ovinos, caprinos, equinos, etc, porém, em menor frequência e quantidade.

Quanto ao controle, principalmente na pastagem, calagem e a gradagem do solo ajudam a reduzir as populações. Queima pode ajudar mas não é 100% eficaz e compromete o solo, fauna e flora. A rotação das pastagens pode ajudar se feita de forma estratégica. Já o controle no animal pode ser feito por vacinação, banho de imersão, spray.

As raças zebuínas são naturalmente mais resistentes que as raças taurinas, o que a depender da região o cruzamento pode ser uma alternativa.

No Brasil busca-se alternativas viáveis e sustentáveis aos carrapaticidas convencionais no qual os carrapatos já apresentam resistência. Trabalhos chamam a atenção de óleos essenciais como uma possível opção ao manejo e tratamento desses parasitas de grande importância para a pecuária brasileira.

Referências

Parasitologia na medicina veterinária – Segunda edição

Campos, R.N.S. et al. ÓLEOS ESSENCIAIS DE PLANTAS MEDICINAIS E AROMÁTICAS NO CONTROLE DO CARRAPATO RHIPICEPHALUS MICROPLUS – Arch. Zootec. 61 (R): 67-78. 2012.

Embrapa – Museu do Carrapato da Embrapa Gado de Corte: Espécimes de carrapatos descritos no Brasil e depositados na coleção até o momento – ISSN 1983-974X Abril / 2018

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s